RS: Lagoa do Peixe + Taim

lagoa do peixe
O Farol de Mostardas fica perto do Parque Nacional da Lagoa do Peixe

O litoral sul do Rio Grande do Sul não é tão badalado quanto o litoral norte. Em compensação, tem mais belezas naturais. O Parque Nacional da Lagoa do Peixe e a Estação Ecológica do Taim, por exemplo, são dois santuários de flora e fauna.

VEJA TODOS OS POSTS SOBRE O RIO GRANDE DO SUL

Ambos foram reconhecidas pela Convenção de Ramsar. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, esse é um tratado intergovernamental criado para proteger os habitats aquáticos importantes para a conservação de aves migratórias. É oficialmente denominado Convenção sobre Zonas Úmidas de Importância Internacional.

O ACESSO AO LITORAL SUL GAÚCHO

A principal estrada para as praias do sul é a BR-101, que foi construída entre o Oceano Atlântico e a Lagoa dos Patos. É importante prestar atenção nas condições da via. Quando passamos por lá, o asfalto estava em condições precárias e havia buracos grandes na pista. Por outro lado, nos presenteou com um pôr do sol lindíssimo.

LAGOA DO PEIXE
Do alto do farol se vê o parque nacional

O Parque Nacional da Lagoa do Peixe foi criado em 1986 e, em 1999, considerado Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica. Seu território de aproximadamente 344 km² faz parte dos municípios de Mostardas, Tavares e São José do Norte. A entrada é grátis.

lagoa do peixe
A praia no Parque Nacional é, geralmente, tranquila

O lugar é magnífico, com uma extensa faixa de areia ao redor da Lagoa do Peixe, localizada entre a BR-101 e o mar, que se comunica com a laguna. Ela tem uma média de 60 centímetros de profundidade, 35 quilômetros de comprimento e 2 quilômetros de largura.

lagoa do peixe
De carro, é possível explorar o Parque Nacional da Lagoa do Peixe

O parque conta com quatro trilhas. Observadores de aves já registraram 275 espécies vistas por lá. A Trilha da Figueira tem 6 quilômetros e pode ser percorrida de carro. A Trilha do Talha-mar tem 10 quilômetros e, dela, se vê a parte norte da lagoa. A Trilha das Dunas tem 13 quilômetros e chega até a praia. A Trilha dos Flamingos tem 19 quilômetros e liga o Farol de Mostardas, já fora da área preservada, à Barra da Lagoa do Peixe.

O farol de Mostardas fica em frente ao mar

Em todo o parque pode-se ver pássaros, mas é na Barra, onde um canal conecta a lagoa e o mar, que há a maior concentração de aves migratórias. A melhor época para observá-las é entre o começo de outubro e o fim de maio.

O FAROL DE MOSTARDAS

O farol, administrado pela marinha, fica na divisa dos municípios de Mostardas e Tavares. A estrutura de 38 metros foi instalada ali em 1940. O equipamento anterior datava de 1894, tinha 33 metros de altura, era de ferro e foi substituído por causa da ferrugem. Em algumas ocasiões, é possível conhecê-lo por dentro. Do alto, se tem uma vista em 360° da região.

TAIM
Animais do Taim podem ser observados da BR-471

Outra unidade de conservação no sul do Estado é a Estação Ecológica do Taim, nos municípios de Rio Grande e Santa Vitória do Palmar. Ela também fica perto de uma rodovia federal, a BR-471. Por isso, ao conduzir pelos 15 quilômetros que cruzam a área de preservação, é preciso ter muito cuidado para não atropelar os animais que vivem na área de mais de 32 hectares e cruzam a via diariamente.

CURTA A PÁGINA DO ME LEVA EMBORA ESTRADA AFORA NO FACEBOOK
SIGA O ME LEVA EMBORA ESTRADA AFORA NO INSTAGRAM
ACOMPANHE O ME LEVA EMBORA ESTRADA AFORA NO TWITTER

MAPA:

GOSTOU DO POST? NÃO GOSTOU DO POST? TEM ALGUMA SUGESTÃO? FICOU COM ALGUMA DÚVIDA? QUER FAZER UM ELOGIO? UMA CRÍTICA? ESCREVE AQUI NOS COMENTÁRIOS!

2 comentários Adicione o seu

  1. Júlia da Motta diz:

    Lugar incrível! Viagem foda demais 💛

    1. melevaemboraestradaafora diz:

      Foi maravilhoso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.