São Paulo: Pauliceia Hostel

São Paulo é uma cidade gigante, com atrações espalhadas por sua área de 1.521 km². Por isso, é importante prestar atenção no local da hospedagem. Fui no mapa do Hostelworld e busquei o que mais se encaixava no que eu queria: bom preço (ao redor de R$ 50) e boa localização (próximo de transporte público e da região da Sé, onde seria…

Antônio Prado

O Rio Grande do Sul tem regiões muito marcadas pela colonização italiana. Ao longo dos anos, a arquitetura, os costumes e a culinária dos imigrantes acabaram se tornando características exploradas pelo turismo nestas cidades. É o caso de Antônio Prado, na serra gaúcha. A mistura da natureza e da cultura local fazem este município ideal para…

Lille

Em 2014, eu planejava estudar francês na França. Depois de alguns dias de busca, decidi por Lille, principalmente por ser uma cidade média – são cerca de 230 mil habitantes – próxima de outros locais que eu poderia visitar enquanto estivesse lá: Paris (capital que eu ainda não havia visitado), Inglaterra (nação pela qual sou apaixonada)…

Bruges

O centro histórico de Bruges (ou Burg, ou Brugge) foi declarado patrimônio da humanidade pela Unesco. E não é para menos. As construções medievais em estilo gótico (nem todas originais) são a marca registrada desse município da Bélgica. A cidade é linda, mas me pareceu um pouco sem autenticidade, uma beleza criada especialmente para agradar aos…

Bruxelas: Grand Place

Free walking tours são uma ótima opção para viajantes que não têm muitos trocados para gastar com passeios, mas gostam de aprender sobre a história da cidade em que estão. O VIVA Brussels Free Walking Tour apresenta as principais atrações de Bruxelas em um roteiro que dura umas duas horas. Todos os dias, às 10h, os…