São Paulo: Raw Burger N Bar

The Raw Burger e a Batata Raw foram os pratos escolhidos na minha primeira visita ao Raw Burger N Bar

Uma foto. Foi uma foto do Instagram que fez com que eu quisesse conhecer o Raw Burger N Bar. Dei uma pesquisada e descobri a localização da hamburgueria: Vila Madalena, em São Paulo, bairro que eu queria visitar há muito tempo. Não tive dúvidas e incluí o Raw na programação da minha viagem à capital paulista.

Ao chegar na casa, descobri que aquele burguer que eu tinha visto na rede social não estava mais à disposição, pois havia sido feito para uma data específica. Apesar de não poder satisfazer meu desejo, achei bacana isso de criar combinações especiais, edições limitadas. Me passou uma impressão de que o Raw não tem medo de ousar e experimentar.

O ambiente e o atendimento

Inaugurado em 2015 por Rudney Marcondes e Tiago Ishikawa, o espaço do Raw Burger N Bar é agradável. O menu já adianta: “Desde a estética do ambiente, que abusa dos elementos rústicos e industriais, passando pela apresentação dos pratos e estilo de serviço, até a elaboração do cardápio e carta do bar, tudo aqui é curto e grosso, bruto, bem como manda o figurino.” A frase é verdadeira, só não é bruto o tratamento dos funcionários. O pessoal é atencioso e entendido. Explicaram as características dos hambúrgueres e das gim tônicas – especialidade da casa – e me ajudaram a escolher os pratos e o drinque, que vieram em menos de 10 minutos.

Mensagens divertidas nas paredes fazem parte da decoração do Raw
Burger, batata e gim

Depois de aprender as diferenças entre os pratos mais pedidos, pedi o The Raw Burger (R$ 35). De estilo americano, ele consiste em pão de cerveja stout, burger duplo, cheddar inglês – em fatia -, crispy de bacon e cebola roxa e maionese de Jack Daniels. Servido em uma bandeja de madeira, o sanduíche tem um bom tamanho e um sabor forte.

Também quis experimentar um snack, e escolhi a porção individual da Batata Raw (R$ 12). As batatas crocantes são temperadas com alho, alecrim e lemon pepper, com um molhinho de maionese Raw. Eu nunca tinha comido um acompanhamento desse tipo e ouso dizer que foi a melhor batata que já provei. Pena que não consegui terminá-la, pois foquei primeiro no hambúrguer e fiquei satisfeita antes de a batata chegar ao fim.

Para beber, um dos menino que estava me servindo me apresentou algumas opções de gim tônicas e suas respectivas características. Quando ele falou a palavra “refrescante”, meus olhos brilharam. Contei para ele que havia passado a tarde inteira caminhando sob o sol e ele me recomendou o Honey Lemonade GT (R$ 29), com dry gin, limão, cravo, mel e flor de hibisco. Sugestão perfeita, caiu muito bem naquela noite.

Os recados

O estabelecimento tem dois avisos que achei interessantes. Firmes e diretos, mas simpáticos e com personalidade. Um deles é o símbolo “No Knives and Forks” (“sem facas e garfos”, em português). O outro é a seguinte mensagem no menu: “Os itens e combinações do nosso cardápio foram desenvolvidos por profissionais capacitados e competentes, com o objetivo de proporcionar aos nossos clientes a famosa ‘experiência RAW‘. Qualquer alteração das receitas pode e provavelmente irá prejudicar essa experiência e portanto, não será aceita pelo nosso chef e cozinha. Restrições alimentares e dietas específicas obviamente serão respeitadas.”

Além da boa refeição

Mais do que um ambiente aconchegante, bom atendimento e comida e bebida deliciosas, o Raw oferece outra atração que me agrada muito: música. Todas as quintas-feiras tem um showzinho na parte externa do estabelecimento, o Raw Music Session. O volume da canja é ideal tanto para quem quer prestar atenção nos artistas quanto para quem prefere conversar nas mesas da calçada. Essa área é pet friendly. Uma menina estava com um cachorro coisa mais querida, e bem calminho, mesmo com o movimento do restaurante – que estava cheio – e estando deitado bem em frente aos músicos.

E aqueles que gostam de arte vão apreciar o Raw Burger N Bar ainda mais por causa de sua maravilhosa localização. Ele fica na Vila Madalena, um dos bairros mais badalados de Sampa, a um quarteirão do famoso Beco do Batman e a quatro quadras do Beco do Aprendiz, ambos conhecidos por seus grafites. Eu aproveitei que estava pela região da hamburgueria e explorei esses dois pontos turísticos da cidade de São Paulo antes de visitar o Raw.

O Beco do Batman e suas paredes grafitadas ficam a mais ou menos 200 metros do Raw
Raw Burger N Bar

www.rawburger.com.br
www.facebook.com/rawburgerbar
Rua Aspicuelta, 176 – Vila Madalena
(11) 3032-3610

Curta a página do Me Leva Embora Estrada Afora no Facebook
Siga o Me Leva Embora Estrada Afora no Instagram
Acompanhe o Me Leva Embora Estrada Afora no Twitter

MAPA:

* A refeição no Raw Burger N Bar foi uma permuta com o Me Leva Embora Estrada Afora – comida e bebida em troca de um post no blog.
As opiniões contidas no texto são independentes
e baseadas na experiência que tive lá.*

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *